Distúrbios alimentares: Quais são? Como identificar? Mostramos tudo a você.

disturbios alimentares

Os distúrbios alimentares podem afetar pessoas de várias idades e se não for tratado a tempo pode gerar graves consequências aos indivíduos. A principal característica destes distúrbios é a alteração na forma de alimentar associada a uma preocupação excessiva com a aparência do corpo.

Existem vários sinais diferentes que podem diagnosticar os distúrbios alimentares e por isso conhecer mais sobre o assunto é fundamental para evitar ter este problema ou ajudar a algum conhecido. Pensando nisso, a seguir eu irei falar tudo sobre esses distúrbios para você tirar suas dúvidas.

Quais são os mais comuns?

Existem vários tipos de distúrbios alimentares e por isso a seguir eu irei falar um pouco sobre alguns dos principais. Confira!

Anorexia

A anorexia consiste em um distúrbio em que uma pessoa tem a imagem distorcida do seu corpo, assim ela sempre se ver com excesso de peso, mesmo que esteja desnutrida. A principal característica deste distúrbio é a obsessão pelo emagrecimento.

Bulimia

Mais um dos distúrbios populares é a bulimia que consiste em uma compulsão alimentar seguida de comportamentos compensatórios. Ou seja, neste distúrbio a pessoa come alimentos ricos em calorias e depois se arrepende e induz o vômito, usa diuréticos e laxantes ou pratica exercícios físicos de forma exagerada a fim de controlar o seu peso.

Ortorexia

A ortorexia consiste em uma preocupação exagerada com o que você come. Neste distúrbio a pessoa possui uma obsessão para comer de forma certa e consumir apenas alimentos saudáveis.

➡ Veja como o Stanozolol ajuda nos distúrbios alimentares

Vigorexia

Mais um distúrbio alimentar também focado no corpo magro e escultural é a vigorexia, também conhecida como síndrome de Adonis. Este distúrbio caracteriza uma obsessão pelo corpo perfeito, com isso o indivíduo começa a praticar atividades físicas de forma exagerada sempre buscando ficar cada vez mais magro e com corpo escultural.

Síndrome do comer noturno

Este distúrbio consiste em uma falta de apetite durante o dia e uma compensação durante a noite. Neste caso a pessoa costuma ficar grande parte do dia sem se alimentar e a noite começa a comer tudo o que vê pela frente. Também é comum que a pessoa apresente insônia.

Como identificar?

A forma de identificar os distúrbios alimentares irão variar conforme cada tipo de distúrbio, no entanto existem alguns sinais que são comuns a quase todos os casos, que são:

  • Preocupação exagerada com o corpo
  • Prática exagerada de exercícios físicos
  • Grande obsessão por emagrecimento
  • Se sentir mais gorda do que é
  • Comer compulsivamente e se arrepender

Qual o tratamento para os distúrbios de alimentação

O tratamento para o distúrbio alimentar também irá variar conforme o tipo de distúrbio que a pessoa possui, por isso é importante sempre consultar o médico assim que a pessoa apresentar os sintomas mencionados acima para que ele possa avaliar o quadro e dizer qual é o melhor tratamento.

Geralmente o tratamento se baseia em acompanhamento psicológico para que a pessoa possa conseguir se aceitar melhor do jeito que é e para acabar com a obsessão de ter um corpo perfeito.

Ainda ficou alguma dúvida sobre este artigo? Deixe um comentário que responderemos você.

You might like

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *